19° Festa missionária e “Fogo de chão” em Ibiporã

227

Aconteceu em Ibiporã no estado do Paraná a 19° Festa missionária. A festa começou com a Santa Missa às 10:00 na igreja paroquial de Nossa Senhora da Paz celebrada por Dom Pedro Zilli, bispo brasileiro do PIME na Diocese de Bafata Guiné Bissau – África, também estava presente pe. Daniel Belussi, vice-superior regional, vários missionários do PIME, o clero local, alguns diáconos e inúmeros paroquianos.

Durante a missa, teve o envio  missionário do pe. Mateus Jensen Didonet, neo-sacerdote missionário do PIME destinado para Índia. A festa missionária foi precedida com um tríduo de oração vocacional missionária nas Paróquias São Rafael e Nossa Senhora da Paz

Logo após a missa, teve o tradicional almoço “Fogo de chão” no Salão Pio XII e sob 10 tendas onde foram colocadas as mesas pro churrasco. O almoço contou com a participação de 2 mil pessoas. O almoço foi animado pela banda musical “Amigos da Missão”. Além disso, teve também a presença de alguns membros da editora Mundo e Missão com uma banca dos livros, revistas e jornais, uma barraca com artigos religiosos missionário e com roupas provenientes da Costa do Marfim e Guiné-Bissau.

O trabalho inteiro foi realizado pela equipe de 150 voluntários (leigos e leigas sensíveis à missão) abraçaram a causa missionária. O evento não foi somente um momento beneficente, um gesto de solidariedade além fronteiras, sobretudo foi um momento de animação missionária na região e uma colaboração concreta entre O PIME, a Paróquia Nossa Senhora da Paz, amigos da Missão e a toda comunidade

Toda a arrecadação deste ano será destinada para a Missão na Costa do Marfim-África, na pessoa do Padre Valmir, missionário do Pime nesse país e na Diocese de Bafatá Guiné-Bissau-África, na pessoa de Dom Pedro Zilli, bispo da referida diocese e para Paróquia Nossa Senhora da Paz em Ibiporã.

Há 19 anos esta Jornada Missionária tem ajudado na formação humana e cristã de tantos adolescentes e jovens, formação de catequistas e de futuros sacerdotes, na construção de escolas, centros polivalente, centros de saúde, poços de água nas comunidades.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.